Uopeccan abre inscrições para Programa Diagnóstico Precoce online no mês de julho

O Instituto Ronald McDonald, em parceria com o Hospital do Câncer Uopeccan amplia conhecimento sobre os sinais e sintomas do câncer infantojuvenil na região Oeste do Paraná. A ação visa capacitar profissionais da saúde, estudantes de medicina e residentes de pediatria através do Projeto Diagnóstico Precoce do Câncer Infantojuvenil.

De acordo com dados do Instituto Nacional de Câncer (Inca), o câncer ainda é a enfermidade que mais mata na faixa etária de 01 a 19 anos no Brasil. Ainda hoje, as chances de cura da doença no Brasil são de 64%. Nos países com alto Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), os índices de cura podem chegar a 80%. Se você é profissional ou estudante da área de saúde faça parte dessa corrente do bem disseminando conhecimento. Neste mês, serão dois dias de disseminação de conhecimento sobre sinais e sintomas da doença, 26 e 27 de julho, de forma online, das 15h às 18h, a expectativa desse ano é que 620 participantes realizem a capacitação.

O projeto tem como objetivo de contribuir com o aumento da identificação precoce da doença em crianças e adolescentes por meio de capacitações de profissionais da Atenção Básica de Saúde, pediatras da rede SUS e privada, além de estudantes de medicina e de enfermagem para que possam desenvolver o olhar especifico para suspeitarem da doença e saberem como encaminhar para o diagnóstico, contribuindo também com a organização da rede de saúde na localidade.

A oncologista pediátrica da Uopeccan de Cascavel, Carmem Fiori destaca que a parceria com o Instituto Ronald McDonald desde 2008, trouxe melhorias para saúde do estado do Paraná: “É um programa que veio para mudar a nossa realidade, nós estamos há 12 anos trabalhando nesse projeto e vimos resultados positivos, as crianças começaram vir com diagnóstico precoce, aumentando assim, as chances de cura. Infelizmente devido a pandemia do covid-19, o curso que era presencial passa agora a ser de forma online para alcançar não só os profissionais da saúde, mas também os alunos de Medicina e Enfermagem, assim como residentes de Pediatria”, ressalta a médica Carmem Fiori.

Temas abordados no Programa:

Módulo 1

Introdução – 15 min

Aula 1: Epidemiologia – 15 min

Aula 2: Sinais e sintomas de suspeição|Leucemias Agudas + casos clínicos – 30 min

Aula 3: Sinais e sintomas de suspeição|Linfomas + casos clínicos – 30 min

Aula 4: Sinais e sintomas de suspeição|Tumor SNC + casos clínicos – 30 min

Esclarecimento de dúvidas -1h

 

Módulo 2

Aula 5: Sinais e sintomas de suspeição| Massas abdominais + casos clínicos – 30 min

Aula 6: Sinais e sintomas de suspeição|tumores ósseos + casos clínicos – 20 min

Aula 7: Sinais e sintomas de suspeição|tumores de partes moles + casos clínicos – 20 min

Aula 8: Cuidados necessários à criança em tratamento de câncer – 20 min

Aula 9: Fluxograma (encaminhamento caso suspeito) x COVID – 20 min

Aula 10: Comunicação do diagnóstico – 10 min

Esclarecimento de dúvidas – 1 h

 

Faça a sua inscrição gratuita: Clique aqui