Primeiro paciente curado da Covid-19 recebe alta na Uopeccan de Umuarama

O Hospital do Câncer da Uopeccan de Umuarama é referência para internação de pacientes com coronavírus. Uma ala foi isolada para atendimento desses pacientes, com leitos, quartos arejados, equipamentos de suporte à vida, controle de entrada e saída de pessoas e materiais.

O morador de Cianorte, Abílio de Oliveira, 65 anos, foi o primeiro paciente que recebeu o tratamento da Covid-19, no mês passado na Uopeccan de Umuarama. “Eu estava viajando e passei por Umuarama e comecei a espirrar e senti dor na nuca, cheguei a pensar que eu estava com sintomas de dengue”, afirma Abílio de Oliveira.

Após esses primeiros sinais, ele procurou uma unidade hospitalar, onde ficou internado e fez vários exames. Em seguida, ele foi encaminhando no dia 17 de março para Uopeccan, com febre, tosse e mal estar no corpo. O paciente recebeu o acompanhamento inicial, recebeu medicação e ficou isolado em um quarto, foram realizados exames admissionais e coletado o material de nasofaringe e encaminhado ao Lacen (Laboratório Central do Estado do Paraná) para descartar ou confirmar a doença.

No dia 20 de março, Abílio recebeu o resultado positivo para a Covid-19 e começou o tratamento, foram 8 dias de internação e de cuidados redobrados para garantir a cura. A Dra. Carla Andressa Dal Ponte, explica como foi o acompanhamento médico durante o processo do tratamento, “no início ele teve que usar oxigênio, pois sentia muita falta de ar, foram dias difíceis para o paciente ficar longe da família e isolado”.

Abílio lembra dos momentos que passou internado, sem ter contato físico com os familiares, “foi um choque lidar com essa situação, eu que achava que era dengue e acabou sendo coronavírus”, enfatiza.

Depois de uma semana internado enfrentando a doença, veio a boa notícia. No dia 25 de março, Abílio soube que estava curado e recebeu alta médica. “Quando recebi o resultado, agradeci a Deus primeiramente. Hoje vejo a importância de usar máscara e tomar as medidas preventivas contra a Covid-19”.

A vitória do diagnóstico de cura não foi só do senhor Abílio, mas de toda equipe médica da Uopeccan, que busca a cada dia oferecer o melhor tratamento para os pacientes do coronavírus.  A doutora ressalta alegria de fazer parte do processo da busca pela cura. “Graças à Deus fomos vitoriosos com os procedimentos e tivemos uma resposta satisfatória no quadro de saúde do paciente, hoje ele segue vida dele tomado os cuidados necessários”.