Paciente da oncopediatria visita emissora de TV

Jéssica Moreira acompanha Nicolas pelos corredores da Catve

Nicolas Buscarini de 11 anos, faz tratamento aqui no Hospital do Câncer Uopeccan há quase um ano. Desde então, segue uma rotina entre Cascavel e Foz do Iguaçu, sua cidade natal. Semanalmente precisam estar na Uopeccan para realizar os procedimentos do tratamento oferecido pela Instituição. Durante a estadia, Nicolas e a mãe ficam hospedados na Casa de Apoio.

A família precisou se reajustar para que o Nicolas fizesse o tratamento na Uopeccan, que é referência no combate ao câncer infanto-juvenil. A mãe, Sandra Buscarini, precisou deixar o emprego e vêm à Cascavel acompanhar o filho.

Segundo a mãe, Nicolas sempre tratou a doença com muita maturidade. “Mesmo com pouca idade, ele já sabia o que ia enfrentar, ele é um guerreiro”, afirma. O pequeno Nicolas descobriu a doença após uma queda de bicicleta, ao realizar exames o médico informou sobre o tumor e imediatamente encaminhou o paciente para a Uopeccan.

Quase um ano depois, reagindo ao tratamento, está na fase final de radioterapia. E a manhã de hoje (24), foi bem diferente e divertida para o nosso pequeno guerreiro. Ele conheceu uma equipe da emissora de televisão CATVE, após dar um depoimento sobre a sua história de vida e superação.

Para alegrar ainda mais o dia do nosso paciente, a apresentadora Jéssica Moreira, levou ele e a mãe para um incrível passeio dentro da emissora, que fica há poucos minutos do Hospital. Lá, Nicolas conheceu todos os setores entre rádio, televisão e portal, além de outros apresentadores e demais profissionais da área técnica e do jornalismo. Nicolas, curioso, foi logo perguntando como funciona o trabalho lá dentro e ficou admirado com tanto equipamento. “Isso é muito legal e muito grande”, declara.

Depois da magia da tv, foi a vez de visitar o bosque que está disponível dentro do Centro Universitário FAG. Um rápido passeio em meio a natureza e uma visita às aves que vivem no espaço. Um lugar que vai ficar marcado para a mãe do Nicolas. “Isso aqui é como diz na música… conquistando o impossível, jamais pensei que conheceria um lugar como esse”, ressalta a emoção de visitar o local.