Mais de 190 mil atendimentos foram realizados no Complexo Hospitalar Uopeccan em 2020

O ano de 2020 foi repleto de desafios a maioria deles por conta da pandemia da Covid-19, a instituição procurou não deixar nenhum paciente sem atendimento e para isso redobrou os cuidados. Conforme o balanço anual foram realizados mais de 190 mil atendimentos no Complexo Hospitalar da Uopeccan de Cascavel e Umuarama.  Em comparação ao ano de 2019, houve uma redução de aproximadamente 20%.

A queda nos atendimentos resultou na diminuição dos retornos de acompanhamentos semestral e anual, realização de exames de mamografia e outros, devido atual cenário. Desta forma, alguns pacientes que já finalizaram o tratamento oncológico, que realizam o acompanhamento médico foram remanejados para outras datas, diminuindo o fluxo dos atendimentos e garantindo a segurança de todos.

A gestora de serviços de saúde, Gladys Rodrigues, da unidade de Cascavel, explica que protocolos de segurança foram revistos para evitar o disseminação do vírus. “A preocupação com a pandemia e a segurança dos nossos pacientes, colaboradores e a comunidade, fez com que tivéssemos protocolos alterados, elaboramos um plano de contingência que foi nos norteando nesse período. Um dos critérios estabelecidos foram a redução de determinados atendimentos, atividades dos voluntários, visitas e acompanhantes de pacientes”, ressalta.

Gladys, lembra que caso alguém apresente os sinais e sintomas que possam estar associados ao câncer, deve procurar o serviço de saúde da sua comunidade. Após a orientação médica e com o devido encaminhamento procure os nossos serviços para confirmação do diagnóstico. Lembrando o diagnóstico precoce, possibilita o tratamento mais rápido e aumenta as chances de cura.

Apesar das dificuldades nesse ano, a Uopeccan de Umuarama além de continuar oferecendo tratamento aos pacientes oncológicos e de outras especialidades como: Ortopedia, Clinica Médica, Urologia, em março tornou-se referência no atendimento de pacientes acometidos ou confirmados pela Covid-19. Nessa batalha contra o coronavírus, vários profissionais estão trabalhando, incluindo enfermeiros, técnicos de enfermagem, médicos, fisioterapeutas, nutricionistas, farmacêuticos, serviço de apoio e zeladoria, engenharia clínica, tecnologia, equipes administrativas, entre outros, garantindo prestação de serviço e atendimento de qualidade.

Segundo a gestora de Serviço de Saúde da Uopeccan de Umuarama, Débora Caus, alas de internações exclusivas foram abertas para atender os casos suspeitos e confirmados da Covid-19, conforme a necessidade do município e região. “Tivemos que criar novas estratégias, novos fluxos de atendimentos, contratações de novos colaboradores e médicos, adaptações físicas e aumento de insumos para atender a demanda para a linha de frente do combate.

Sobre a Uopeccan

O Hospital do Câncer de Cascavel teve início no ano de 1991 e ao longo dos anos de dedicação se tornou o Centro de Excelência em Oncologia. Hoje, é referência sul-americana em estudos e tratamentos contra o câncer, realiza transplantes de fígado e medula óssea. Além de oferecer atendimentos pelo Sistema Único de Saúde (SUS), a Uopeccan oferece assistência particular e com Operadoras de Plano de Saúde. O Complexo Hospitalar das unidades de Cascavel e Umuarama possui uma área de mais de 30 mil m², atendendo mil pacientes por dia.