Foi escolhida a capa do livro Anjos do Bem

Após realização de concurso cultural, o desenho de Emillyn Teixeira Alves conquistou o coração dos membros do conselho editorial do livro

 

Após concurso promovido pelo Hospital Uopeccan, a ilustração que vai estampar a capa da 4ª edição do livro Anjos do Bem foi escolhida. De autoria de Emillyn Alves Teixeira, acadêmica de Design Gráfico, o desenho conta com muitas cores e elementos que remetem ao tratamento da oncologia pediátrica. “Como o tema era Jardim de Memórias, eu queria ilustrar os bons momentos dessas crianças e mostrá-los de uma forma alegre e colorida, pois elas são capazes de nos passar uma força e uma esperança muito grandes”, introduz a artista selecionada.

Para a jovem, que está trilhando seus primeiros passos no mundo do design, o concurso Ilustr(ação) foi importante para mostrar o trabalho dela. “Eu amo ilustrar, mas nunca participei de um concurso deste gênero. Quando eu vi o tema deste ano, eu achei que seria uma boa ideia mostrar meu trabalho. Enquanto futura designer e ilustradora, acho uma satisfação muito grande as pessoas olharem a sua arte e ficarem admiradas e felizes com algo que você se dedicou tanto para produzir”, completa Emillyn.

 

O LIVRO

Em 2014, o senhor Valdir Salvador e sua família levaram ao Hospital Uopeccan a ideia da criação de um livro que rendesse boas lembranças aos pacientes e, também, arrecadação para a Instituição. Nesse ano, então, o Hospital lançou a primeira edição do livro Anjos do Bem. O objetivo era promover o protagonismo entre as crianças e adolescentes que fazem tratamento na Uopeccan. “Somos um serviço que se relaciona com vários públicos de interesse e o trabalho voluntário é muito presente em nossa instituição. Por isso, queremos envolver cada vez mais a comunidade em nossos projetos. Planejamos então o livro Anjos do Bem, que mostra a realidade das pessoas internadas no Hospital e dá a chance da sociedade entender melhor o que acontece aqui dentro por meio da visão das nossas crianças”, enfatiza a gerente de assuntos institucionais da Uopeccan, Kelyn Aires.

Desde então, o livro foi contando novas histórias em cada edição e com o dinheiro arrecadado a partir da venda dos exemplares, é possível promover melhorias no Hospital. “A verba adquirida a partir dos livros vendidos é utilizada para melhorar a qualidade de vida dos nossos pacientes, seja na compra de um medicamento, seja na troca de uma cortina, por exemplo”, cita Kelyn.

Com a definição da capa, o foco agora é na organização dos textos, feita pelas professoras do SAREH (Serviço de Atendimento à Rede de Escolarização Hospitalar) e na revisão, feita pela Dra. Beatriz Helena Dal Molin. “Eu fico realmente muito feliz que o meu desenho possa ilustrar e ajudar a promover algo tão importante e bonito. Eu tenho certeza que são lindas historias repletas de amor, força e esperança, que apenas crianças que lutam contra o câncer são capazes de contar”, finaliza Emillyn.

O lançamento desta 4ª edição do livro está marcada para o dia 20 de setembro, às 20h, no anfiteatro da Univel.