Curso de punção Port-a-Cath será realizado

Com o objetivo de oferecer a capacitação para profissionais da saúde e acadêmicos que se preparam para a carreira, o Hospital Uopeccan está promovendo o primeiro curso de punção port-a-cath. Ministrado pela enfermeira Marluise Fenner, pós-graduada em Oncologia pela IEFAG e atuante na área, o curso tem duração de 08 horas e será realizado no próximo dia 19 de agosto em Umuarama e 02 de setembro em Cascavel.

O conteúdo programático percorre as partes teóricas e práticas, esclarecendo questões de introdução em acessos venosos, conceito, realização do procedimento e cuidados, por exemplo. Além disso, os participantes também poderão acompanhar a punção port-a-cath em simuladores.

Curso de Port-a-Cath em Cascavel

A TÉCNICA

A punção port-a-cath também é conhecida como colocação de um cateter totalmente implantado. A indicação para esta técnica varia de acordo com as condições do acesso venoso de cada paciente. Na oncologia, é frequentemente usada para facilitar a condução da quimioterapia.

O cateter é implantado cirurgicamente e o reservatório colocado pode ser utilizado para a administração de medicamentos ou coleta de sangue com agulha especial. As vantagens vão desde a durabilidade (podendo resistir até 2 mil punções), menores taxas de infecção, diminuições dos agulhamentos, conforto e mobilidade durante a medicação e maior eficácia do tratamento.

Curso de Port-a-Cath em Umuarama

PROGRAMAÇÃO

O curso será realizado no dia 19 de agosto, no auditório do Hospital Uopeccan de Umuarama (Avenida Paraná, 7592). As inscrições devem ser feitas até o dia 17 de agosto, pelo e-mail cursos@uopeccan.org.br sendo que o investimento é de R$100,00 para acadêmicos e R$150,00 para enfermeiros graduados. As vagas são limitadas.

Em Cascavel, o curso será no dia 02 de setembro, no auditório do Núcleo Solidário do Hospital de Cascavel (rua Potiguaras, 880). As inscrições devem ser feitas até o dia 31 de agosto, também pelo e-mail cursos@uopeccan.org.br e o investimento é de R%100,00 para acadêmicos e R$150,00 para enfermeiros graduados. As vagas também são limitadas.