15 de fevereiro: Luta e combate ao câncer infantil

Instruções são realizadas para conscientizar sobre a doença

Nesta sexta-feira (15/02), é celebrado do Dia Internacional de Luta contra o Câncer Infantil. O objetivo é conscientizar sobre os sintomas e causas da doença, para que os pais e familiares sempre fiquem atentos. Segundo dados do INCA (Instituto Nacional de Câncer), cerca de 11 mil crianças são diagnosticadas anualmente com algum tipo de câncer, no Brasil.

O diagnóstico precoce é a chave para o sucesso da cura da doença, que mais mata crianças e jovens entre 1 e 19 anos de idade. A Dra. Carmem Fiori é Oncopediatra do Hospital do Câncer Uopeccan e fala sobre a importância de sempre observar a criança. “Se está perdendo peso, está com a aparência mais pálida, febre prolongada e outros sinais, é importante levar ao médico para iniciar a investigação, caso tenha suspeita é necessário encaminhar ao oncologista”, ressalta.

Sinais e Sintomas

O câncer muitas vezes não apresenta sintomas específicos, podem ser confundidos como uma virose. É importante sempre estar atento para saber identificar. Por exemplo: dor ou a aparição de manchas e caroços pelo corpo, dores de cabeça, vômitos, anemia inexplicável, perda de peso, entre outros sintomas que podem afetar o bem-estar da criança.

Tipos

Os tipos de câncer mais frequentes que acometem crianças e adolescentes são: Leucemia (que afetam a medula óssea), sistema nervoso central e linfomas (atinge o sistema linfático), retinoblastoma (afeta a retina e fundo do olho), alguns outros como tumor renal, ósseo e sarcomas.

Prevenção

Antes de tudo é preciso ter uma vida saudável, uma alimentação regularizada, evitar a exposição prolongada ao sol, se hidratar e cuidar da saúde, fazendo exames regulamente.

Caso tenha a suspeita, o Hospital do Câncer Uopeccan acolhe e oferece o melhor tratamento para o câncer, incluindo quimioterapia, radioterapia, cirurgia e conta, também, com uma equipe multiprofissional que dá todo o suporte ao paciente e a família.